Fabio Baptista
Fabio Baptista 
Fabio Baptista

29/04/2019

Ontem fui à praia.

Dentro de uma máquina de metal correndo a oitenta quilômetros por hora, os pneus de borracha em atrito com o asfalto esburacado.

Pela janela, porém, tanto à esquerda quanto à direita: o verde. A natureza. Vastos campos de mata rasteira, montes enfeitad...

21/08/2017

Deixei o meu corpo cair sobre o assento reclinável do ônibus executivo. A hora do rush já havia passado; eu estava atrasado e muitas poltronas estavam vazias. Ao meu lado, a grande janela sem abertura era uma tela de cinema que passava a paisagem como um filme, rápido...